Busca

Movimento Pró-Ukulele

Blog com o intuito de popularizar o Ukulele no Brasil

F.A.Q. Movimento Pro Ukulele

Recebo perguntas de ukulelistas quase diariamente. Além disso, consigo visualizar quais foram os termos que os leitores utilizaram no google para cair aqui no blog, muitos deles na forma de perguntas. Este post é uma tentativa de responder as mais frequentes, relevantes e interessantes.

1. Como tocar ukulele?

R: Certamente esta não é uma pergunta fácil de responder. Existe muito material gratuito na internet para começar a tocar. Este vídeo é interessante. Para quem não sabe inglês, há um material em português escrito pelo Prof. França.

 

2. Qual é a afinação do Ukulele?

R: Resposta curta: a afinação mais comum hoje em dia é a “high G”, também conhecida como gCEA, na qual a corda Sol é mais aguda do que a Dó, conhecido como afinação reentrante.

Resposta longa: Os ukuleles podem ser afinados de diversas maneiras. A afinação “high A”, aDF#B é a versão mais aguda da “high G”, na qual todas as cordas são afinadas um tom acima. Também pode-se afinar os ukuleles (especialmente tenor) como GCEA, “low G”, na qual a corda sol é a mais grave, conhecida como afinação linear. Finalmente temos o ukulele barítono que é mais usualmente afinado como as 4 cordas mais agudas de um violão, DGBE, “low D”. Na prática, todas as combinações são possível, “high D”, “low A”, assim como algumas pessoas afinam o ukulele tenor um tom abaixo, F(ou f)BbDG (high ou low F). Os ukuleles de 6 e 8 cordas possuem todas ou algumas das cordas duplicadas, em uníssono ou oitavadas, gGcCEEAA no ukulele de 8 cordas, algumas vezes ggCCEEAA em taropatches, e G(ou g)cCEAa em ukuleles de 6 cordas. Ainda, existem algumas afinações abertas, “slack key”, usualmente lineares, afinadas em um acorde, como GCEG.

 

3. Marcas: Ukulele Kalani é bom?

R: Minha experiência com o ukulele Kalani é limitada, mas os que eu tive contato achei de baixa qualidade. Talvez com alguma regulagem possam ficar mais tocáveis, mas não seriam minha recomendação na compra de um primeiro ukulele, especialmente pela falta de entonação no braço.

 

4. Quais são as melhores marcas de ukulele?

“Melhores marcas” é subjetivo. Na minha opinião, os ukuleles Martin estão entre os melhores já produzidos, mas acredito que quando perguntado o leitor se refere a marcas disponíveis no Brasil. Neste caso, recomendo os ukuleles da Kala e da Ohana. Os Lanikai que tenho entrado em contato não tem a mesma qualidade dos outros.

 

5. Qual ukulele comprar?

Para uma referência de quais ukuleles comprar, veja este post.

U-K-U-L-E-L-E-S: Todo mundo está tocando!

 

 

 

 

 

 

A Universidade do Havaí disponibilizou no Flickr uma coleção de scans de anúncios de ukuleles em jornais norte-americanos no início do século XX (em inglês).

 

 

Wellington International Ukulele Orchestra – Livin’ Thing

A brilhante WIOU é uma das melhores orquestras de ukuleles que eu conheço. No vídeo abaixo eles tocam Livin’ Thing, da Electric Light Orchestra, com um arranjo simples mas muito divertido!

http://www.youtube.com/watch?v=TrKu_fSPkAQ

Cuidado com as cordas Aquila falsificadas!

As cordas Aquila são tidas como uma das melhores para ukulele. Elas são formuladas a partir de um material patenteado chamado Nylgut que promete replicar o som das cordas de tripa, e são utilizadas como padrão de diversas marcas, desde os Kala até os Kanile’a havaianos. Recentemente, no fórum Ukulele Underground, o dono da empresa que fabrica as cordas postou um tópico dizendo que elas estariam sendo falsificadas na Ásia.

Foi postado um vídeo dizendo que a partir do final de 2011, a Aquila começou a colocar na formulação das suas cordas um material atóxico que as fariam brilhar sob uma luz negra.

Veja o vídeo abaixo:

Tiny Tim

Odiado por muitos, Herbert Khaury, mais conhecido como Tiny Tim, moldou a imagem do ukulele após sua aparição em programas de TV dos anos 60, com seu falseto agudíssimo somado com sua aparência peculiar e o ukulele. Ficou famoso com a sua versão de “Tiptoe Through the Tulips”, baseada na versão de Nick Lucas. Jim Tranquada afirma no livro The Ukulele: a history, que Tiny Tim era um profundo conhecedor da música norte-americana, característica que ficava ofuscada pela sua imagem.

Ele era realmente uma figura cômica.

Veja abaixo, Tiny Tim cantando a música que o fez famoso.

Para aprender a tocar, veja a cifra no Ukulele Boogaloo. Não se esqueça do falsete!

Ukuleles para canhotos

Eu não sou canhoto, mas sempre recebo perguntas de onde comprar ou se existem ukuleles para canhotos.

Eles até existem, mas não são fáceis de encontrar. Sinceramente, não acho que valha a pena ser um diferencial na decisão da compra, pois basta inverter as cordas. Normalmente os ukuleles têm um corpo simétrico. A única exceção pode ser um ukulele com cutway, e nesse caso será necessário procurar um específico para canhotos, o que pode ser difícil. A opção mais lógica é não ter um instrumento com essa característica.

Já comprei alguns ukuleles usados que os donos anteriores eram canhotos e as cordas vieram invertidas. Simples: fiz a operação inversa e adequei para destros. Na foto acima o Paul McCartney está tocando um ukulele Gibson tenor, provavelmente dos anos 30, um presente do George Harrison, que era destro. Provavelmente foi feita uma adequação e as cordas foram invertidas. É recomendável utilizar um novo jogo de cordas para isso.

Um problema que pode ocorrer é no nut. Caso os cortes (slots) sejam muito estreitos e as cordas muito grossas (como as Aquila), pode ser que não encaixem direito. Nesse caso é recomendável levar a um luthier para realizar o serviço.

Uma outra opção é aprender a tocar como um destro e neste caso o sucesso varia de pessoa para pessoa. Tenho amigos canhotos que aprenderam a tocar como destro com sucesso. Se você já toca violão ou outro instrumento da forma invertida, acredito que nem deva insistir nessa etapa.

Melhores Ukuleles para Iniciantes

Muita gente me pergunta qual é um bom ukulele para se começar. Por falta de informação confiável na internet, é difícil optar entre os modelos disponíveis. Outro problema dessa ausência de informação é que o preço varia muito de loja pra loja. Vou listar aqui alguns ukuleles normalmente encontrados na internet. Coloquei apenas soprano, mas dá pra considerar essa informação para os outros tamanhos, desde que sejam da mesma linha.

Essa lista não é definitiva (pode e provavelmente será expandida) e inclui apenas instrumentos que eu conheço e já tive ou experimentei.

1) Kala KA-S (entre R$250 e 300)

A melhor opção, na minha opinião. Um bom ukulele de preço baixo, bom timbre e bom controle de qualidade (problema muito comum entre outras marcas). Também se encontra a versão Kala KA-15s, que é essencialmente igual, só que com um acabamento mais simples (e mais barato). A desvantagem é que por alguma razão misteriosa, poucos vendedores têm esse.

Outros tamanhos dessa linha: KA-P (soprano pineapple), KA-C (concert), KA-T (tenor), KA-B (barítono).

2) Lanikai LU-21 (entre R$200 e 250)

Uma boa opção pra quem quer um soprano barato. É inferior ao Kala KA-S no quesito controle de qualidade, já vi alguns muito bons e outros péssimos, mas essencialmente é o mesmo instrumento, até o acabamento dos dois é muito semelhante, provavelmente são feitos na mesma fábrica. O Lanikai é mais barato, por ser de uma empresa subsdiária da Hohner, mas eu não acho que valha a pena. Atenção: Não recomendo o Lanikai HU-212 ou KU-212 (que na verdade é Kohala, uma linha inferior). Esses são idênticos aos Kalani que eu também não recomendo.

ATENÇÃO: Alguns ukuleles Lanikai disponíveis não tem a mesma qualidade dos que seriam encontrados nos Estados Unidos. Os que tenho visto apresentam defeitos estéticos, buzzes e um som inferior.

Outros tamanhos dessa linha: LU-21P (soprano pineapple), LU-21C (concert), LU-21T (tenor), LU-21B (barítono).

3) Ohana SK-10S (entre R$200 e 220)

Outra boa opção, acho até melhor do que Lanikai LU-21S. A Ohana é uma empresa menor, como a Kala, e é focada apenas Ukuleles. Até onde eu sei, possui um bom controle de qualidade e são baratos. Já vi alguns vendedores no ML que usam a foto dele para vender o ukulele GBS Pro, e quando perguntei me disseram que era o mesmo uke, só que com a marca diferente. Eu achei estranho e evitaria esse outro.

Outros tamanhos dessa linha: PK-10s (soprano pineapple), CK-10s (concert), TK-10s (tenor), BK-10s (barítono).

4) Makala MK-S (entre R$180 e 250)

Surpreendentemente um bom instrumento. A Makala é uma segunda linha da Kala, e tem alguns instrumentos coloridos de preço reduzido. Este é feito com um acabamento mais simples, as tarraxas são muito feias, mas tem um som muito semelhante ao do KA-S da Kala. É um pouco difícil e se encontrar, mas por estar na mesma faixa de preço que instrumentos inferiores, como o Kalani, pra quem quer gastar pouco vale a pena. EDIT: Experimentei alguns numa loja e não estavam muito bons, mas com um setup e cordas novas, poderia sair algo de lá.

Outros tamanhos dessa linha: MK-P (soprano pineapple), MK-C (concert), MK-T (tenor), MK-B (barítono).

Outras opções

É muito fácil encontrar ukes de outras marcas no MercadoLivre. Acredito que não valha muito a pena comprá-los, se puder comprar esses que eu falei acima. Podem custar um pouco mais caro, mas são ukuleles de marcas usadas em todo mundo, com um controle de qualidade superior. Tem alguns que são de marcas “brasileiras”, mas na verdade são um ukulele chinês que chega no Brasil sem marca e são batizados com um nome da distribuidora. O controle de qualidade é zero e a chance de pegar uma bomba é considerável.

Quando comprar, vale a pena olhar as dicas de como fazer seu ukulele soar melhor.

Como converter ou transformar cavaquinho em ukulele

Essa é uma dúvida que sempre surgia nas comunidades do Orkut sobre ukulele há muito tempo. Como a oferta de ukuleles no mercado era praticamente nenhuma, era considerado viável fazer gambiarras para afinar o cavaco como o ukulele.

ims_waldir_azevedoreduz_2
Waldir Azevedo

Nessa época longínqua, no distante ano de 2007 (ou 2008?), tentei fazer isso com um cavaquinho extremamente vagabundo que comprei barato (para ter ideia, ele não afinava nem com cordas de cavaquinho). A dica era pegar as cordas comuns de violão nylon, e colocar as 3 cordas mais agudas no ukulele e usar metade da corda Mi do violão como a high G. Não precisa dizer que o resultado foi catastrófico!

Conheci um sujeito que fez essa conversão utilizando cordas de ukulele tenor num cavaquinho (este de melhor qualidade), obtendo resultados até que satisfatórios, mas suponho que haja risco nisso. A construção do cavaquinho foi feita para aguentar uma tensão muito alta de cordas de aço, e com a utilização do nylon, a força exercida é inferior, o que pode causar danos ao instrumento.

Hoje em dia com a gigantesca oferta de ukuleles baratos nas lojas, isso tornou-se obsoleto. Caso você tenha um cavaquinho sem uso, o que eu recomendo é que tente vendê-lo no MercadoLivre e que compre um ukulele de verdade no lugar.

George Formby – o maior e mais famoso banjo-ukulelista

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.388 outros seguidores